BLEFAROPLASTIA: 5 MITOS SOBRE CIRURGIA DAS PÁLPEBRAS

Mitos sobre a blefaroplastia - Dr. Artur Grinfeld

Você já ouviu falar sobre blefaroplastia? Esse procedimento é muito desejado por pacientes que querem tratar de excessos de pele e queda das pálpebras.

A blefaroplastia visa eliminar os excessos de pele e gordura que causam inchaço e flacidez na área dos olhos. Esse procedimento tem como objetivo ajudar a melhorar a aparência das pálpebras, rejuvenescendo a região dos olhos, e em alguns casos, ampliando o campo de visão do paciente.

Os resultados da blefaroplastia é de uma aparência de “descansado” ao rosto, ajudando a levantar o olhar. Devemos lembrar que essa intervenção traz bem-estar, eleva a autoestima, além de que em alguns pacientes foi possível corrigir o campo de visão, superando o aspecto apenas estético.

Porém, essa cirurgia ainda causa muitas dúvidas e por isso nos queremos te ajudar a esclarecer todas elas. além de desmistificar algumas questões que podem atrapalhar o seu entendimento e tomada de decisão. 


Confira a seguir todas os mitos e verdades que separamos para tirar suas dúvidas!

A blefaroplastia é apenas um procedimento estético?

Mito! Assim como mencionamos acima, a blefaroplastia não é só vista como um procedimento estético. Isso porque o excesso de pele em pálpebras superiores acabam atrapalhando o campo de visão e isso dificulta a abertura dos olhos do paciente.

Já quando há queda das pálpebras inferiores, além da dificuldade em fechar os olhos, a volta branca dos olhos fica parcialmente desprotegida. 

Quando se trata de procedimentos estéticos, a blefaroplastia ajuda realmente a dar uma aparência mais descansada ao tratar da protusão de depósitos de gordura em pálpebras superiores assim como as bolsas de gordura das pálpebras inferiores, evitando, portanto, a flacidez.

Resumindo: a blefaroplastia ajuda tanto esteticamente o paciente a dar mais vida ao seu olhar, como ajuda a melhorar o campo da visão caso haja pele sobre os olhos.

A blefaroplastia é apenas para idosos?

Mitos sobre a blefaroplastia - Dr. Artur Grinfeld

Este é o maior mito de todos quanto a esse procedimento!

Tanto pessoas mais jovens quanto as pessoas de meia-idade já têm optado pela blefaroplastia, pois alguns pacientes jovens apresentam uma queda das pálpebras ou têm bolsas de gordura nas pálpebras inferiores mesmo que não estejam em idade avançada. 

Importante lembrar que com a chegada de certa idade, os tecidos da face vão ficando cada vez mais flácidos e as tais bolsas de gordura acabam se tornando ainda mais evidentes e, por essa razão, muitos pacientes idosos optam por essa cirurgia.

Por isso, não há uma idade certa para se fazer a blefaroplastia, tudo irá depender de como você se sente em relação a suas pálpebras e as bolsas de gordura em volta delas. 

A recuperação da blefaroplastia é realmente muito dolorosa? 

Isso é mito! A blefaroplastia é um dos procedimentos menos dolorosos que você irá encontrar e o máximo relatado pelos pacientes que fizeram o procedimento é que ocorre tensões da área dos olhos e aquela sensação de cisco nos olhos, mas nada doloroso.

+ Saiba mais sobre outros procedimentos cirúrgicos de intervenção facial

A blefaroplastia pode ser realizada por qualquer médico?

Assim como qualquer procedimento, é importante sempre pesquisar os melhores médicos para a realização. Quando se trata da blefaroplastia, o ideal é que seja um cirurgião experiente e capacitado, além de ser membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica.

Procure um cirurgião de confiança e que tire seja capaz de tirar todas as suas dúvidas sem carregar os estigmas que podem atrapalhar o seu processo de decisão e, inclusive, de percepção dos resultados da cirurgia, ok?

A blefaroplastia pode ser realizada em clínicas?

Mito! A blefaroplastia deve ser realizada em ambiente hospitalar com a presença de um anestesista, isso é muito importante e não pode ser deixado de lado.

Lembre-se, nunca na própria clínica! Fique atento sempre quanto a cirurgias que podem ser realizadas no ambiente clínico e não deixe de consultar também as indicações necessárias para a realização de qualquer procedimento cirúrgico. 

Mas, mesmo que a cirurgia seja feita em ambiente hospitalar com a atuação do profissional capacitado, a recuperação do paciente também continua em sua própria casa! 

+ Vamos conversar mais sobre isso no instagram: acesse!

Após a realização da cirurgia de blefaroplastia, utilize compressas geladas nas primeiras 48-72h, além de repousar. Atividades físicas devem ser evitadas por pelo menos 15 dias, assim como a exposição solar por 2 meses ou enquanto as equimoses estiverem presentes.

Converse com seu médico e tire todas suas dúvidas quanto o que você pode fazer em sua rotina após a blefaroplastia. O processo de recuperação é muito importante para a cirurgia ser um sucesso.

Gostou do artigo? Então compartilhe e comente suas dúvidas e sugestões de novos temas. Sua opinião é muito importante para melhorar ainda mais nosso conteúdo. Para realização de forma segura do procedimento, procure um profissional capacitado. Agende a sua consulta com o Dr. Artur Grinfeld através dos telefones Feira de Santana (75) 2101.4455 e Salvador (71) 2101.6633.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *