Disfunção ATM

A disfunção da articulação temporo-mandibular – ou ATM, como é conhecida – é um problema bastante incômodo e de difícil tratamento.

Os pacientes apresentam comumente, como queixa, dor de ouvido que, na realidade, não se trata de dor no ouvido e, sim, dor localizada na região do ouvido; mais precisamente na região anterior do ouvido e se irradia para as regiões vizinhas. Pode se irradiar para as regiões lateral e inferior do pescoço. Esses pacientes são identificados por interessante referência a dor de ouvido crônica; ou seja: referem dor do tipo “pontadas”, que se estendem por longo tempo.

O Otorrinolaringologista experiente sabe que dor de ouvido é quase sempre aguda. Assim, quando o paciente se queixa de dor de vários meses, sabe que o problema não é do ouvido. Esses pacientes apresentam geralmente problemas de fácil identificação em sua mordida. Os problemas mais comuns são o uso de próteses e de pontes, falhas dentárias, mordida cruzada e desgaste parcial dos dentes.

Esse é um problema de difícil resolução, já que corrigir a causa exige bastante tempo, demanda paciência e disposição do paciente para o tratamento, que se orienta de modo direto à correção, usualmente ortodôntica, da causa do problema.

De qualquer forma, orienta-se o paciente a procurar um especialista em ATM para iniciar o tratamento, tão logo seja feito o diagnóstico; já que, se a causa não for corrigida, com o tempo, tende a se agravar o problema e a piorarem os sintomas.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.